Um mini-guia para viajar Praga, a República Tcheca

Praga é uma daquelas cidades da Europa que está realmente começando a ganhar popularidade com mochileiros, turistas e blogueiros. Ouvimos falar de Praga há alguns anos, quando estávamos considerando lugares para viajar como nômade digital. Digitamos “Praga” na barra de pesquisa e exibimos inúmeras imagens de edifícios coloridos, arquitetura ornamentada e parques verdes – fomos inspirados imediatamente para visitar.

Viajar para Praga nos levou um pouco mais do que o previsto, mas valeu a pena a espera!

De Berlim, pegamos o ônibus para Praga e passamos 6 dias na cidade – olhando para prédios impressionantes, aprendendo sobre a história em um passeio a pé, saindo em jardins de cerveja com amigos, relaxando em parques e checando mercados e festivais.

Aqui está o nosso mini-guia para viajar Praga, uma cidade que esperamos voltar em breve!

Onde ficar em Praga

Existem inúmeras opções de acomodação na cidade. Você pode escolher entre o Airbnb, albergues ou hotéis e todas as classificações e estilos.

Se você não se importa com o barulho e deseja estar certo na ação, poderá optar pelo centro da cidade (Praga 1), mas se você gostaria de estar em áreas mais silenciosas, a uma distância de bonde do centro, verifique fora dos bairros de Praga 2, Praga 4, Praga 7 e Praga 10.

De acordo com nossos amigos em Justapack.com, que passaram mais de um ano em Praga, a área de Vinohrady (Praga 2) é a favorita, enquanto Žižkov (Praga 3) é a área mais legal da cidade.

Na área de Letna (Praga 7), você está a uma curta distância do centro da cidade, mas os apartamentos do Airbnb vão de apenas US $ 20 + / noite (dependendo da temporada). Enquanto no centro da cidade (Praga 1), um apartamento custará cerca de US $ 45 + / noite.

Ao ficar um pouco fora do centro da cidade, você poderá economizar muito dinheiro com acomodações e desfrutará de uma estadia mais silenciosa.

Clique aqui para procurar apartamentos em Praga no Airbnb.

Existem inúmeros albergues em Praga, basta escolher. Mas esteja avisado de que nem todos os albergues são criados iguais. Ficamos no Hostel Orange (que é um albergue com melhor classificação), mas descobrimos que os quartos eram muito pequenos, e era difícil conseguir um tempo de chuveiro / banheiro, pois havia apenas 1 banheiro compartilhado entre 10 (ou mais) pessoas !

No entanto, a graça salvadora foi a equipe que era excelente e, se você está procurando um lugar central, seria um bom local para você.

De acordo com a Hostelworld, existem 187 albergues em Praga! Camas de dormitório são extremamente econômicas a partir de US $ 6 / cama durante a noite. Para um quarto privado com uma cama de casal, você terá que pagar muito mais: US $ 50 ou mais / noite.

Aqui estão alguns exemplos dos custos dos albergues com melhor classificação no Hostelworld:

Clique aqui para saber mais sobre o albergue de Sir Toby e reservar uma sala.

Clique aqui para saber mais sobre o Post Hostel Praga e reservar uma sala.

Clique aqui para saber mais sobre o Tchech Inn e para reservar uma sala.

Para ver todos os albergues disponíveis no Hostelworld em Praga, clique aqui.

Se você preferir ficar em um hotel em oposição a um albergue ou um apartamento, definitivamente pagará mais pelo seu quarto. No entanto, existem alguns hotéis boutiques impressionantes em Praga em que gostaríamos de ficar!

Aqui estão algumas opções altamente recomendadas no booking.com:

Clique aqui para saber mais e reservar uma sala.

Clique aqui para saber mais e reservar uma sala.

Clique aqui para saber mais e reservar uma sala.

Como você pode ver, há uma grande variedade de opções de acomodação em Praga. Lembre-se de que os fins de semana estão ocupados com turistas ingleses descendo para seus “stag-do” e “hen-do’s” (festas de bacharel / despedida de solteiro). Isso se deve ao fato de que a cerveja é tão de baixo custo na República Tcheca, assim como os vôos para chegar aqui do Reino Unido.

Onde comer em Praga

Existem inúmeras refeições e bebidas tradicionais para provar em Praga. Embora esteja avisado, se você é vegetariano, a maioria das refeições tradicionais contém carne. Para opções veganas e vegetarianas, você terá que comer comida internacional.

Lokál Dlouháá: Este é um restaurante / pub animado que serve refeições tcheco simples a preços econômicos. O menu da cerveja é maior que o menu de comida. O serviço é horrível e, se você tiver uma pergunta, receberá um olho da equipe. No entanto, está sempre ocupado com moradores, expatriados e turistas, além de ser de baixo custo e saboroso. Clique aqui para obter instruções.

Stands de salsicha: os tchecos adoram salsicha! Você pode encontrar essas carnes, tudoaround the city, and although they aren’t the healthiest option, it’s an easy lunch (or a late night snack). You can also find more upscale sausage meals when you order a plate at a restaurant.

Markets & Festivals: If you are travelling to Prague during the summer months, there are numerous outdoor festivals that you can attend. At these festivals, you’ll find loads of food stands serving up some (not so healthy) snacks. Boiled potatoes smothered in melted cheese, sausages in a bun, and fried potato patties are some of the snacks on offer at the beer festivals.

We found a wine festival and the food there was much healthier – cold salads, meats and cheeses, olives, breads, pastas and soups were on offer. keep your eyes peeled for markets and festivals!

Madame Lyn Restaurant: This Vietnamese / Thai restaurant is located in Prague 2 and is a terrific choice if you’re craving something other than meat and potatoes. The menu offers tofu dishes, grilled meats, pho soup, and seafood dishes. Clique aqui para mais detalhes.

Dhaba Beas: This is an Indian restaurant serving up vegetarian food from the north of India. The restaurant is buffet style, so you just point at the various curries, rice, salads and vegetables on offer and you pay by weight. Clique aqui para mais detalhes.

Must try Dishes: There are many traditional dishes you should attempt to sample before leaving Prague, here are some of them: česneková polévka (garlic soup), Zelná polévka s klobásou (cabbage soup with sausage), Vepřo knedlo zelo (roast pork with potato dumplings and saurkraut), smažený sýr (breaded and fried cheese), Skvělý hovězí guláš (beef goulash). and of course, street sausages!

For dessert, look out for trdelnik, a Bohemian specialty. Basically, sugared dough is wrapped around a stick and cooked rotisserie style. once cooked, it’s removed from the stick and covered in chocolate or filled with ice cream. Delicioso!

Top things To See and do in Prague

There are endless amounts of things to do in Prague. depending on which time of year you travel here, you’ll find Christmas markets, beer festivals, music festivals and much more. There’s something going on year-round in Prague.

Go on a free walking Tour: Each day there are many companies offering tours of Prague’s old town and the Jewish Quarter. The tours are at 11:30am and 3:00pm, and they last for 2 – 3 hours. Click here for a company offering free tours.

Wander the Old Town: Sure, this is something that everyone does, but that’s because the old town is so beautiful! check out the Astronomical Clock, town square, check out the Church of Our lady before Týn, and of course, gawk at the colourful architecture.

Prague Castle: Yes, there is literally a castle in Prague! This only adds to the city’s fairytale feel. The castle dates from the 9th century, and is the official residence of the president of the Czech Republic. You could spend a whole day here exploring the complex. However, the pièce de résistance is the Saint Vitus Cathedral.

Letna Park: This park is beautiful. With views of the Vltava River and the old town, this is a terrific place to chill out. There’s also a beer garden, a little bar, a restaurant and lots of green spaces for laying out a blanket.

Lennon Wall: In the 1980’s this wall was filled with John Lennon quotes and images. These days, anyone can grab a spray can or paint brush and add something to the wall.

Prague Beer Museum: There are 2 of these pubs around the city serving up Czech beers. You can order a sample platter of a wide variety of delicious craft beer, and there are 30 on tap. The people of the Czech Republic drink more beer per capita than anywhere in the world. Saúde!

Charles Bridge: There is always something happening on this bridge. construction started in the 1300’s, and finished in the 15th century. This pedestrian-only bridge is a terrific place to stroll – you’ll find vendors and live music here as well.

Check out a Beer / music Festival: If you’re in Prague during the spring / summer months, you’ll find many festivals going on. check out Parukářka Park and Letenská pláň (the same park as the Letna Beer Gardens), and click here for a list of events in the city.

Riegrovy Sady Beer Garden: In keeping with the beer theme, make sure to check out this popular outdoor beer garden. here you can not onBebira quantidades abundantes de cerveja, mas você também pode assistir a esportes na tela grande.

Andando por aí em Praga

Praga é uma excelente cidade para caminhar. Existem inúmeras áreas apenas para pedestres e, diferentemente de muitas partes do mundo, existem calçadas! Se suas pernas se cansarem de toda a caminhada, pule no ônibus, bonde ou metrô. A direção não é recomendada, pois a situação de estacionamento do veículo é um pouco difícil e o centro ficou bastante congestionado na última década.

O sistema de transporte em Praga é excelente. O sistema de metrô (metrô) é o modo de transporte mais popular na cidade. Desça profundamente no subsolo e comece sua jornada pela cidade! Clique aqui para saber mais sobre o metrô, incluindo as várias linhas e mapas.

Outra opção é o bonde, que vai das 4:30 às 12:00 meia-noite, em intervalos de 8 a 10 minutos. Os bondes noturnos vão das 12:30 às 4:30 da manhã, mas desta vez em intervalos de 40 minutos. Clique aqui para saber mais sobre os bondes em Praga.

Os ônibus são uma boa opção se você estiver indo para os arredores da cidade ou se estiver indo para o aeroporto. O ônibus #119 conecta o aeroporto Ruzyně à estação de metrô Dejvická, enquanto o ônibus nº 100 conecta o aeroporto à estação Zličín. Esta é uma maneira de baixo custo e fácil de chegar do centro da cidade ao aeroporto. Clique aqui para saber mais sobre como chegar ao aeroporto.

Você já viajou para Praga antes? O que você acha da cidade? Compartilhe nos comentários!

Gosta deste artigo? Fixá-lo!

Isenção de responsabilidade: as cabras na estrada são um associado da Amazon e também um afiliado de outros varejistas. Isso significa que ganhamos comissões se você clicar em links em nosso blog e comprar desses varejistas.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *